Profª Nete e seus alunos do 2º ano em Novo Airão.
Profª Nete e seus alunos do 2º ano em Novo Airão.

Uma ponte sobre o Brasil

No dia 06 de junho de 2016 a atividade Uma ponte sobre o Brasil do projeto de extensão Conhecer para preservar da UFSC, realizou trabalhos sobre biodiversidade com crianças do 2º e 3º anos do Ensino Fundamental da Escola Municipal Aristóteles Freire Arnould da cidade de Novo Airão, Amazonas.

Fomos recebidos por professores e alunos carinhosamente dispostos a aprender, compartilhar saberes sobre seus modos de vida e abraçar as questões referentes a preservação do meio ambiente através da educação ambiental.

 

 

IMG_3021
Profª Cristina Tonussi apresentando os desenhos dos alunos do CA.

Uma ponte sobre o Brasil chegou justamente na data em que eles comemoravam a semana do meio ambiente.

       A atividade compreendeu a leitura do livro sobre biodiversidade da mata atlântica catarinense O reino das Aztecas, seguido da apresentação dos desenhos que os alunos das 5ªs séries do CA da UFSC fizeram com grande dedicação para eles e como forma de trocar conhecimento das diferenças culturais através de desenhos. A ideia de levar literatura sobre a mata atlântica para outro extremo do Brasil visa estimular, nesta troca de conhecimento, a curiosidade científica sobre os diferentes tipos de florestas que encontramos no nosso país.  Um outro livro falando agora sobre a floresta amazônica está sendo produzido e será posteriormente apresentado para os alunos catarinenses.

  Foi imensamente gratificante constatar que os alunos e professores das várias regiões do país estão muito dispostos, curiosos e ávidos por conhecimento, como também que se produzam materiais didáticos que reflitam suas comunidades, suas  diferenças culturais e sua riqueza de fauna e flora, muito própria de cada região.

IMG_3029
Aluno do 2º ano lendo O reino das Aztecas.
IMG_3055
Profª Francisca e seus alunos do 3º ano, trabalhando desenhos.
IMG_3069
Profª Francisca, Diretor Auslei, porteira Márcia e o pedagogo Miguel.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta